sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Dear Moon,





Lua, minha doce e fiel amiga... Tu que todas as noites iluminas a minha janela e me adormeces embalada no teu luar encantador, e só ele é capaz de me transmitir a paz e a serenidade que me são tão indispensáveis. 
Todos os dias te procuro, lua, todos os dias na minha varanda os meus olhos suspiram por ti e pela tua luz. Para mim continuas tão inalcançável e tão bela como se nunca o Homem tivesse deixado a sua marca na tua superfície. És muito mais do que um pedaço de rocha! Continuarás sempre a ser a inspiração de muitos escritores e artistas, e de todos aqueles que se deliciam a apreciar-te. 
Obrigada por todas as noites mostrares a tua face, umas vezes mais envergonhada, mas acima de tudo sempre presente, sempre bela e luminosa, sempre pronta para me escutar.

Espero ansiosamente pelo anoitecer, tenho um desejo para te pedir, mais um…
E espero que hoje não te escondas e apareças bem altiva bem no centro da minha janela, no alto da serra.


Até logo, até sempre, Lua…

Bianca Correia

6 comentários:

Catarina Francisco disse...

obrigada! beijinho :*

criistiana' disse...

Tens razão e é o que tento fazer, e acho que ainda me tenho saído bem. Sempre fui sincera com ela, talvez um pouco rude por o fazer, mas ela conhece-me sabe que eu sou assim e por vezes não compreende, mas eu não levo a mal, pois talvez pudesse ter a mesma reação no lugar dela.
obrigada, também gosto do teu blog. beijinho*

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
BIANCA

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA, TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

José
Ramón...

Anne. disse...

gosto muito, sigo.

ladybug disse...

é, a nutella tem sido mesmo uma perdição :) obrigada por seguires, gostei muito do texto, vou seguir também ;)

Joana disse...

gostei :)!